Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O blog do Mau Feitio

Experiências, histórias, poesia, opiniões, dia a dia, dramatizações, descontração, gargalhadas infinitas, amigos, momentos, livros, filmes, TV, músicas, pessoas, coisas da vida, do mundo e mau feitio.

O blog do Mau Feitio

Experiências, histórias, poesia, opiniões, dia a dia, dramatizações, descontração, gargalhadas infinitas, amigos, momentos, livros, filmes, TV, músicas, pessoas, coisas da vida, do mundo e mau feitio.

A Rapariga No Comboio

mau feitio, 09.05.19

Este livro ensinou-me algo que eu não sabia. Além de ser um livro incrível, com uma história extraordinária, ou seja, uma excelente escritora, ensinou-me também que cada livro tem o seu lugar onde deve ser lido. Eu comprei-o em 2018 e andava com ele na mala para todo o lado e tentava ler no trabalho na espera dos turistas pois era possível e noutros lugares sempre e onde me dava jeito para ler mas nunca consegui sentir interesse na história. Lembro-me que o achava aborrecido e até pensei no que eu ia fazer com um livro que não gostava de ler e só estava a fazer monte... até que chegou um dia, mais precisamente, uma noite em que a casa estava silenciosa e já estava no quarto para dormir, nisto, peguei nele e... uau! Eu descobri o quanto esse livro é maravilhoso, quase que li tudo numa assentada só. 

 


Conclusão: cada livro tem o seu lugar certo, o seu momento certo, a sua hora para ser lido.
Por algum motivo, foi aquele... por algum motivo, eu guardei-o na mala... e por algum motivo, eu peguei nele naquela noite... e ainda bem, pois tornou-se num dos meus livros preferidos. 

a-rapariga-no-comboio.jpg

Imagem retirada do Google Imagens

10 livros que quero ler há muito tempo.

mau feitio, 19.03.19

A gente vai que vai... até lê uns livros e tal mas no fim por causa de uma coisa e outra, acaba por não ler os livros que gostava mesmo de ler e nisto, a lista de leituras desejadas, vai-se acumulando.
 
E aí... quais são os livros que o Mau Feitio quer ler há muito tempo?
Humm... vamos ver:

1.Aproveitem a vida de António Feio;
2. A filha do Capitão de José Rodrigues dos Santos;
3. Não sei nada sobre o amor de Júlia Pinheiro;
4. Amizades Improváveis de Jonathan Evison;
5. A minha história com Bob de James Bowen;
6. O meu nome é Alice de Lisa Genova;
7. O Rapaz do Pijama às riscas de John Boyne;
8. O velho que lia romances de amor de Luís Sepúlveda;
9. (O) Meu pé de laranja lima de José Mauro de Vasconcelos;
10. O Alquimista de Paulo Coelho.

O que vocês acham da minha lista de leituras desejadas?

Já leram algum livro acima referido? 

Beijs.

Diário Confidencial de Mariana vs. KAMASUTRA

mau feitio, 15.02.19

Eu li o Diário Confidencial de Mariana aos 14 anos, mais ou menos, mas não é sobre o livro que vou escrever hoje. Para quem não sabe o dito livro faz parte de uma coleção de livros da autoria de Marta Gomes e Nuno Bernardo que consiste no dia a dia de uma ADOLESCENTE, naquela altura, a personagem Mariana também de 14 anos, penso eu. Eu li um dos livros.
E a história que tenho para contar é um tanto de ''hein...?''.
Estava eu sentada junto a umas miúdas (minhas conhecidas) de 14 anos, uma delas já era mais velha mas pronto, que estavam a discutir sobre qual livro que deviam ler para apresentar na aula de Português no âmbito da Leitura Livre e eu dirigindo-me para a mais nova dei a ideia desse livro.
Sabem qual foi a reação dela? Riu-se na minha cara, como se eu tivesse dito um disparate.
Ainda lhe disse: ''eu li com a tua idade''. Resposta: riu-se. Mas... como aquela que diz ''que infantil!''
Eu virei-me mas a minha vontade foi dizer-lhe: ''Ah, desculpa! Já (lês) o KAMASUTRA! Por que não o apresentas?''  (sem qualquer tipo de julgamento, cada um é que sabe. E a sexualidade não tem idade definida). Mas, que BOFETAAAAAAAADAAAAAAAAAAAAAAA!
Tudo bem... o livro até pode ser mais infantil do que isso, mas nada que não possa ser lido com 14 anos. É leitura juvenil. Pessoas muito evoluídas. Eu tenho 28 anos mas eu cresci numa zona onde não havia e não há livraria, só biblioteca com livros, na sua maioria, estragados e sempre que podia, os meus pais compravam um livrinho ''do tamanho da sua carteira'' e sempre gostei. Mas como o tempo voa... não é verdade?! Hoje em dia, têm tudo, acham-se muito adultos e ainda se riem na cara das pessoas. siameD!

14576f77fe7735e.jpg

Imagem retirada do Google Imagens