Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O blog do Mau Feitio

Experiências, histórias, poesia, opiniões, dia a dia, dramatizações, descontração, gargalhadas infinitas, amigos, momentos, livros, filmes, TV, músicas, pessoas, coisas da vida, do mundo e mau feitio.

O blog do Mau Feitio

Experiências, histórias, poesia, opiniões, dia a dia, dramatizações, descontração, gargalhadas infinitas, amigos, momentos, livros, filmes, TV, músicas, pessoas, coisas da vida, do mundo e mau feitio.

Desafio - 30 DIAS ESCREVENDO

Inicio a 01 de Outubro de 2022 Ler o post

Frase do mês

mau feitio, 24.07.22

Existem sempre duas opções

 

Para tudo na vida temos dois caminhos à nossa disposição.

Simplesmente, podemos parar de lutar e insistir e culpar todos à nossa volta por tudo o que de mal nos acontece. Culpar a sociedade, o sistema, a religião, a política... e ficar assim para o resto das nossas vidas, fazendo-nos de vítimas, contentando-nos com as migalhas que nos atiram e com a miséria das nossas vidas. 

Ou então, podemos chorar por breves ou longas horas por não termos conseguido atingir os nossos objetivos... Mas depois, perdoar o que houver de perdoar, principalmente a nós mesmos ou apenas guardar num cantinho dentro de nós sem mágoas nem rancor e arregaçar as mangas e continuar. Se não deu certo, que comecemos novamente. Com o nosso melhor sorriso e força de vontade, combater em todas frentes, trilhar os caminhos que nos surgir e tentar até não podermos mais e eis que num belo dia sem estarmos à espera, o futuro acontece da forma mais brilhante possível.

Eu escolhi a segunda opção.

Bom resto de Domingo.

Beijs.

dar-importancia.64517bd8ee49115d8b6ac91430ee9de141

Imagem retirada do Google Imagens

Frase do Mês

mau feitio, 02.06.22

Não é desistir, é continuar.

 

Após tanto tempo sem fazer a frase do mês aqui no blog, regresso hoje dia 2 de Junho de 2022 com uma frase que foi dita por um concorrente do Big Brother.

Escolhi esta frase porque eu sou uma pessoa que quase nunca desisto mas a verdade é que algumas vezes, canso-me de algumas situações e quando eu ouvi esta frase fez-me um click na minha cabeça.

Claro que não vamos começar a desistir de tudo, sem pelo menos tentar e sentarmos à espera que se faça luz, que alguém faça por nós, mas por outro, às vezes nós temos a tendência de aguentar até ao limite e carregamos com o que nos faz mal como se fosse um peso enorme, como se fosse uma obrigação e esta frase fez-me pensar que nem sempre temos de levar tudo até ao fim. Se há algo que naquele momento já não nos faz sentido, está a fazer-nos mal não desistimos, apenas devemos continuar por outro caminho.

Quanto a mim, vou continuar a tentar a fazer tudo aquilo que me fizer sentido, quntas vezes forem precisas e desistir continuará a não fazer parte do meu dicionário mas gostei bastante desta perspectiva de ver a vida.

Beijs.