Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O blog do Mau Feitio

Aqui sinto-me em casa. E de que falamos na nossa casa com quem nos faz sentir bem? Sobre tudo!

O blog do Mau Feitio

Aqui sinto-me em casa. E de que falamos na nossa casa com quem nos faz sentir bem? Sobre tudo!

Frase do mês

Pela primeira vez eu disse que sim

'' - Queres?''

Alguém

Esta pergunta foi-me feita ainda esta tarde por uma jovem na paragem de autocarro. Eu decidi fazer desta pegunta a frase deste mês, pelo episódio em si em que a atitude da rapariga me tocou positivamente e que foi diretamente para comigo.

Ora então, foi assim: estava a chover quando fui para paragem de autocarro para regressar a casa e com a pressa de fugir da chuva, com o saco de compras na mão e uma capa na outra, não tive oportunidade de limpar a baba que tinha no queixo. Já expliquei aqui que me babo e é algo que embora não seja de forma abundante como em criança, não consigo controlar. Acontece quando estou com pressa como foi o caso, doente, distraída... Porquê? Para quem não sabe, devido à minha deficiência, nasci com um glândula salivar ao contrário e o problema da fala também não ajuda, mas esperem lá, não falo a babar-me. Mas não ajuda, por causa da articulação, produz muito saliva. (esta informação é para que os novos leitores não fiquem à nora).
Continuando, cheguei à paragem, pedi espaço para me sentar, já que havia e as pessoas que estavam de pé não estavam interessadas em sentar-se e sentei-me ao lado dessa rapariga.
Estava a acertar-me quando senti um toque no meu braço, virei-me e a jovem perguntou-me em tom baixo sem chamar a atenção de ninguém:

'' - Queres? - estendendo-me gentilmente um lenço de papel.
- Ah... Sim, obrigada. - respondi, sensibilizada com o gesto''.

Porquê que isto me sensibilizou?

Porque em muitos anos de vida, nunca alguém se dirigiu a mim de forma tão delicada para me dar um lenço de papel para eu limpar a boca.
A maioria das pessoas olham e fazem cara de nojo e em situações passadas, já tive pessoas conhecidas, até que eu considerava amigas que me atiravam à cara de uma forma bem invasiva e sonora: ''LIMPA A BOCA! 'TÁS-TE A BABAAAAAAAAAR!'' - chamando as atenções das pessoas presentes todas para mim, deixando-me constrangida e envergonhada.

Por isso  e por outras razões também relacionadas com a minha deficiência é que eu deixo de falar com algumas pessoas. Mesmo depois de lhes pedir para não fazerem isso e, sim, fazerem-me só um sinal, continuam... Então elimino-as da minha vida o máximo que eu consiga.

Claro que, não é porque eu tenho uma deficiência que tenho de andar suja e com uma imagem pouco cuidada e, simplesmente, não me importar porque ''eu sou assim'', e as pessoas têm de ver isso sem me chamarem à atenção.

Mas também, não é porque eu tenho uma deficiência que os outros podem abordar-me de forma invansiva e constranger-me em frente de meio mundo e descredibilizar-me.

Não é porque alguém precisa de ajuda que quem está a ajudar tem o direito de descredibiliza-la. 

Pela primeira vez eu aceitei um lenço de papel que alguém desconhecido me ofereceu com a intenção de me dizer que tinha o ''queixo molhado'', porque a rapariga fê-lo muito delicadamente com a preocupação de não chamar a atenção dos restantes. Sem me dizer para me limpar, disse-mo.

E está feita a frase deste mês.

Falta pessoas assim no mundo.

Beijs.

 

 

 

Sobre mim

foto do autor

Frase do Mês

Ainda sem frase.

Fala comigo em

blog_maufeitio@sapo.pt

Informação

A maioria das imagens e vídeos utilizados no blog são retirados da Internet. No entanto, se for o autor de alguma imagem ou vídeo e não permitir a sua utilização, por favor envie e-mail ou deixe nos comentários que logo que possível serão retirados.
Blogs Portugal

Escrito antes

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D