Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O blog do Mau Feitio

Experiências, histórias, poesia, opiniões, dia a dia, dramatizações, descontração, gargalhadas infinitas, amigos, momentos, livros, filmes, TV, músicas, pessoas, coisas da vida, do mundo e mau feitio.

O blog do Mau Feitio

Experiências, histórias, poesia, opiniões, dia a dia, dramatizações, descontração, gargalhadas infinitas, amigos, momentos, livros, filmes, TV, músicas, pessoas, coisas da vida, do mundo e mau feitio.

Apenas poesia

mau feitio, 30.07.17
Porquê que não morri
Quando tive para morrer?
Quando me estava a desvanecer
Sobrevivi...
 
Quem sou eu?
De onde és tu?
Sou do mundo
E o mundo é um todo só meu
E teu...
 
Sou o passado
Cansado
A saudade dolorosa, inquieta
Que do meu peito se afugenta
O amor não correspondido, gozado
 
Que pela dor
Me fez indolor
E hoje, que sou?
Um ser vagabundo, sujo, imundo...
Um pedaço de gente despedaçado, acabado,
 
Uma alma jogada num contentor de misérias...
Eu sou... simplesmente...
O que ainda não fui e o que vou sendo
Eu sou...
O que serei,

E sobre isso nada sei.

Imagem do Google Imagens