Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O blog do Mau Feitio

Experiências, histórias, poesia, opiniões, dia a dia, dramatizações, descontração, gargalhadas infinitas, amigos, momentos, livros, filmes, TV, músicas, pessoas, coisas da vida, do mundo e mau feitio.

O blog do Mau Feitio

Experiências, histórias, poesia, opiniões, dia a dia, dramatizações, descontração, gargalhadas infinitas, amigos, momentos, livros, filmes, TV, músicas, pessoas, coisas da vida, do mundo e mau feitio.

‘”A minha religião é Deus”

Como vocês devem saber, a frase ‘” A minha religião é Deus” não é da minha autoria, mas é algo que mantenho bem presente e definido na minha vida. Nasci, cresci e fui criada na religião católica, mas a maioria das minhas más memórias estão ligadas à religião. Desde que me lembro, nunca me senti inclinada para seguir as tradições religiosas, por exemplo, ir à catequese todas as semanas durante 1h3o (acho eu) que sacrifício. Dizia-se que as crianças que não fossem à missa ou que não soubessem as orações todas, não passavam de ano de catequese. Pelos vistos,Deus entendeu o meu lado, pois nunca fui à missa e até hoje não sei rezar nem metade e passei sempre. Posso estar a cometer um pecado por estar a escrever isto. Que Deus me perdoe. Mas foi um terror. Aquela obrigação, porque toda agente ia, fazia, porque fica feio se não fizermos também. Depois, as comunhões,a preparação, as provas de vestidos e vestidinhos, as rendas dos vestidos que me faziam comichão com o calor insuportável que se fazia em pleno Verão… irra!As procissões... ter de ir a passo de música, parar, andar, parar... aff! Detestava isso. As Domingas… (é uma tradição que se realiza em honra do Divino Espírito Santo, nos Açores), ter de me levantar cedo, vestir aqueles vestidinhos de renda e ir aos tremeliques de frio pela rua, quase a cair de sono… ai, socorro! Depois assim, assado, cuidado, silêncio, atenção.  Que militarismo! Obrigações, obrigações…
Assim que pude, libertei-me.  Sempre acreditei que Deus quer que o sigamos com vontade e não por obrigação. E, desde então, sigo a minha religião: Deus. A única em que acredito e adoro. Um Deus que é Natureza, Cristão, Islâmico, Hindu, um Deus que abriga todas as pessoas de todo mundo nos seus braços sejam brancos, negros, amarelos, vermelhos, com incapacidades, orientações sexuais diferentes... um Deus que não escolhe raças,condições nem estatutos, que não discrimina e, sim acolhe. Um Deus que não obriga,mas que convida, que não ofende, mas sim, fortalece. É nesse Deus que eu acredito. Aquele que está num altar de uma igreja, no meio da Natureza e dos animais, a caminhar na rua ou sentado ao lado de cada um de nós. Eu acredito no Deus em que me educaram a acreditar, mas não da forma como mo mostraram, mas da forma que eu acredito que existe: livre para amar e ser amado, que em Seu nome só faz amor e promove paz, união e harmonia entre todos. Esse sim é a minha religião, uma religião do bem e do bom, do possível, de todos e para todos, sem medidas, sem trocas, sem pagamentos, sem anúncios nem ditaduras impostas em nome de Deus.
 
Deus e somente Ele é a minha religião. E a forma como manifesto a minha fé é só entre mim e Ele.
Imagem do Google Imagens
 
 

Mais sobre mim

foto do autor

Guardados no baú

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Depois não digam que eu não informei

1-Devido à importação dos textos de uma plataforma para outra, alguns deles surgiram sem espaço entre as palavras, sem pontuaçãoetc. De modo que, alguns posts anteriores a 5 de Nov. de 2018, ainda estão por corrigir. 2-Relativamente às imagens utilizadas no blog, como sempre refiro a fonte no fim de cada post, a maioria delas são retiradas da Internet. No entanto, se algum autor de alguma imagem ''passar por aqui'' e não permitir a sua utilização, por favor envie e-mail que logo que possível a imagem será retirada. As restantes, são mesmo fotografias minhas e outras são criadas por mim com auxílio de alguns programas de edição de fotografia e design. Em todo o caso, eu identifico sempre a origem de todas as imagens e fotografias utilizadas no blog.

Fala comigo em

blogdomaufeitio@sapo.pt